• Márcio de Miranda

A 108ª edição da Milão-San Remo acontece amanhã


A centenária prova Milão-Sanremo, também conhecida como a Clássica da Primavera, vai acontecer amanhã. A corrida começou em 1907 e só não foi realizada durante o período das duas grandes Guerras Mundiais. Além disto, ela é a mais longa corrida de um dia do ciclismo profissional percorrendo uma distância de 298 km. Atualmente ela faz parte das chamadas clássicas monumentais do ciclismo europeu juntamente com Ronde van Vlaanderen, Paris-Roubaix, Liège-Bastogne-Liège e Giro di Lombardia.

A Milão-Sanremo é carinhosamente chamada de clássica dos sprinters, enquanto o Giro da Lombardia, sua corrida irmã é chamada de clássica dos escaladores. O maior vencedor foi o belga Eddy Merckx com sete conquistas (1966, 1967, 1969, 1971, 1972, 1975, 1976). A última edição foi vencida pelo francês Arnaud Demare (FDJ) que vai em busca do bicampeonato. Já o colombiano Fernando Gavira quer se redimir do tombo na reta final, que quase derrubou o eslovaco Peter Sagan.

A 108ª edição tem um forte start list, com nomes de peso como: Arnaud Demare (Fra/FDJ), Greg Van Avermaet (Bel/BMC) e Peter Sagan (Esl/Bora - Hansgrohe). Sem esquecer de Fernando Gaviria (Col/Quickstep Floors) que vai liderar a equipe, já que Tom Boonen (Bel/Quickstep Floors) vai se preparar para a Paris - Roubaix. A parte estreita é em descida. Os últimos 2 km estão em longas retas de estradas urbanas. A 850m da linha de chegada existe uma curva à esquerda numa rotatória. A última curva, que leva para a linha reta, é 750m distante da linha de chegada. Cenário ideal para o britânico Mark Cavendish, da Dimension Data.

#MilãoSanremo #UCIWorldTour #PeterSagan

cannondale.png
shimano.png
sa bs.png
MFT.png
CIMTB.png
logoLPH.png
SFEST.png
Fran Logo Branco.png