• Márcio de Miranda

Milão-Sanremo terá prova virtual no próximo sábado


A RCS Sport organizadora do Giro de Itália, Milão-Sanremo e Tirreno-Adriático, criou uma Experiência Virtual Milano-Sanremo, em parceria com a Garmin Edge e a Tacx. Esta colaboração apresenta uma oportunidade de experimentar uma das maiores Clássicas do ciclismo mundial através da tecnologia moderna.

No próximo sábado, 21 de março, das 7h às 14h (horário do Brasil), os ciclistas poderão desfrutar de uma experiência única de ciclismo virtual pedalando os últimos 57 km da Milão-Sanremo. Os participantes vão encarar as subidas mais famosas da rota - o 'Tre Capi', o Cipressa e o Poggio - antes de chegar à Via Roma, em Sanremo.

Como conectar

Para participar dos últimos quilômetros da Milão-Sanremo, tudo o que o ciclista precisará é de um Garmin Edge compatível (como o Edge 520, Edge 530, Edge 830, Edge 820, Edge 830, Edge 1000 e Edge 1030) que hospedará o percurso e um rolo inteligente de nova geração, como um Tacx, ou qualquer outra marca com recursos semelhantes, para se conectar à bicicleta.

Para acessar a rota, os ciclistas podem simplesmente entrar no portal Garmin Connect (o acesso é gratuito), participar do grupo Milano-Sanremo Virtual Experience e, no calendário do grupo, clicar em 21 de março. O ciclista será orientado a baixar a pista a ser instalada no ciclo-computador Edge, que é 'acoplada' ao rolo inteligente, e tudo pronto para pedalar nas mesmas subidas e estradas exatamente como a parte final da Clássica de Primavera.

Todos os membros do grupo Milano-Sanremo Virtual Experience receberão a inscrição automática em um desafio em que a Garmin dará um reconhecimento especial àqueles que percorrerem o maior número de quilômetros na semana de 22 a 29 de março - independentemente de quais percursos baixados forem utilizados.

O RCS Sport recompensará todos os que participarem da Experiência Virtual com um desconto de 10 € (R$ 55,00 - na cotação do dia 19/03) para se inscrever no Gran Fondo Il Lombardia 2020.

Além disso, os fãs que desejam "vencer" o Giro de Itália podem se conectar ao game.giroditalia.it e participar de todos os testes e jogos online do Corsa Rosa.

A rota - últimos 57 km de Milano-Sanremo

Após a sequência clássica do 'Tre Capi' - Capo Mele, Capo Cervo e Capo Berta - a rota enfrenta duas grandes subidas que se tornaram marcas da corrida nas últimas décadas: a Cipressa (introduzida em 1982) e a Poggio di Sanremo ( 1961). O Cipressa tem pouco mais de 5,6 km de extensão, com um gradiente médio de 4,1%. Depois de chegar ao topo da Cipressa, os pilotos começarão a subir o Poggio, começando 9 km da linha de chegada. A subida tem 3,7 km de extensão, com um gradiente médio inferior a 4%, chegando a 8% logo antes do cume. A descida é extremamente técnica, com uma sucessão de curvas, voltas e mais voltas. A parte final da descida entra na cidade de Sanremo antes de 2 km de pedalada em longas estradas urbanas retas. Com 850m para percorrer, há uma curva à esquerda em uma rotatória antes da última curva da rota,

#MilãoSanremo

cannondale.png
shimano.png
sa bs.png
MFT.png
CIMTB.png
logoLPH.png
SFEST.png
Fran Logo Branco.png