• Márcio de Miranda

Campeonato Mundial de Ciclismo de Estrada da UCI começa amanhã, em ímola, na Itália


Suíço Mads Pedersen não defenderá o título / Divulgação

A disputa deste ano era para ter acontecido em 12 de agosto em Aigle-Martigny, na Suíça, mas a pandemia do Covid-19 mudou todo planejamento. O que significou que a União Ciclística Internacional (UCI) precisava encontrar um novo organizador muito rapidamente. O novo local escolhido foi Ímola, uma comuna italiana da região da Emília-Romanha, província de Bolonha, que se prepara para sediar a partir desta quinta-feira (24) até o próximo sábado (27) o Campeonato Mundial de Ciclismo de Estrada, que vai coroar os novos campeões mundiais masculinos e femininos em provas de estrada e contra-relógio.


O presidente da UCI, David Lappartient, declarou: “Parabenizo o comitê organizador de Imola pela excelente qualidade de produzir em um curto espaço de tempo. Agradeço também aos outros três candidatos Peccioli (Itália), Alba Adriatica (Itália) e Haute-Saône (França) que também enviaram propostas à UCI. Não foi uma escolha fácil, mas mostra que mesmo neste período difícil que vivemos, os Campeonatos do Mundo da UCI ainda são muito atrativos para as cidades e suas regiões."

Neste ano não acontecerá as provas das categorias júnior e sub-23 por conta da pandemia do coronavírus. Os grandes nomes do pelotão masculino e feminino se encontrarão em busca da camisa arco-íris que usarão nesta temporada e na próxima.

Percurso do Mundial de Ciclismo 2020 / Divulgação

As provas de estrada vão ser disputadas em um circuito de 28,8 km a ser percorrido várias vezes, com largada e chegada no renomado circuito automotivo Enzo e Dino Ferrari de Imola. Depois de completar uma largada neutra em torno do Autódromo, o percurso completo terá 258,2km para os homens com uma elevação total de quase 5000m, enquanto a prova de estrada feminina será de 143km e aproximadamente 2.800m de elevação acumulada.


Os homens vão percorrer nove vezes e as mulheres cinco. O percurso tem duas subidas difíceis - Mazzolano e Cima Gallisterna - que combinam um total de 5,5km de escalada com uma inclinação média de 10% e trechos que chegam a 14 %. O primeiro quilômetro e os últimos três quilômetros da corrida serão realizados no circuito de Fórmula 1, enquanto o restante do percurso passará por uma região ondulada, em estradas estreitas cercadas de vinhedos.


No contra-relógio o percurso é basicamente plano, a disputa terá 31,7km para homens e mulheres, com uma elevação de 200m. Imola sediou o Campeonato Mundial de Estrada UCI em 1968, o ano em que as vitórias foram para o italiano Vittorio Adorni e para a holandesa Keetie van Oosten-Hage. O Autódromo Enzo e Dino Ferrari também foi palco de várias chegadas do Giro de Itália. O comitê organizador do Mundial pode se beneficiar de uma vasta experiência na organização de eventos internacionais e instalações de classe mundial.

Homens e Mulheres vão percorrer a mesma distância no Contra-relógio / Divulgação

Destaques do Campeonato Mundial de Ciclismo de Estrada Austrália: Richie Porte e Rohan Dennis Bélgica: Greg Van Avermaet, Jasper Stuyven e Wout Van Aert

Colômbia: Rigoberto Urán, Miguel Ángel López, Richard Carapaz e Nairo Quintana

Rigoberto Urán, de 33 anos, é um dos destaques da Colômbia / Divulgação

Espanha: Alejandro Valverde, Mikel Landa, Pello Bilbao e Jesús Herrada

Eslováquia: Peter Sagan


Eslovênia: Tadej Pogacar, Primoz Roglic, Luka Mezgec e Jan Tratnik.


França: Julian Alaphilippe e Rémi Cavagna

Holanda: Tom Dumoulin Itália: Vincenzo Nibali e Diego Ulissi Reino Unido: Alex Dowsett e Geraint Thomas

Peter Sagan venceu 3 vezes (2015, 2016, 2017) será que ele vestirá a Rainbow Jersey mais uma vez? / Divulgação

O desfalque mais sentido é do suíço Mads Pedersen, que não defenderá o título do ano passado, conquistado em Yorkshire, no Reino Unido.

Programação                          

Quinta-feira, 24 de setembro - Contra-relógio Individual - Elite Feminina - 31,7km


Sexta-feira, 25 de setembro - Contra-relógio Individual - Elite Masculino - 31,7km


Sábado, 26 de setembro - Corrida de Elite Feminina - Road Race - 143km


Domingo, 27 de setembro - Corrida da Elite Masculina - Road Race - 258,2km

cannondale.png
shimano.png
sa bs.png
MFT.png
CIMTB.png
logoLPH.png
SFEST.png
Fran Logo Branco.png