Tom Dumoulin faz história ao conquistar a 100ª edição do Giro de Itália


O holandês Tom Dumoulin, da equipe Sunweb, superou Nairo Quintana (Col) e Vincenzo Nibali (Ita) que acabaram assim na classificação geral. Com o resultado, Tom se tornou o primeiro holandês a vencer o Giro de Itália e entrou para história duplamente pelo título inédito e por ser a centésima edição da prova italiana. O título foi decidido na última etapa em um emocionante contra-relógio individual de 29km entre Monza e Milão. Outro holandês também subiu no lugar mais alto do pódio, Jos van Emden, da LottoNL-Jumbo, percorreu a distância em 33m08s.

Curta o Planeta da Bike no Facebook.

Jan Janssen foi o primeiro holandês a vencer uma Grande Volta, a Volta da Espanha de 1967. Depois de hoje, a Holanda soma cinco vitórias em Grandes Voltas. Jan Janssen, também venceu o Tour de France de 1968 e Joop Zoetemelk, venceu em 1979 e a Volta da Espanha em 1980. Erik Breukink foi o único holandês a ter alcançado o pódio final do Giro com o terceiro lugar em 1987 e segundo em 1988. Agora, 13 ciclistas de nações diferentes ganharam o Giro.

Ao longo da história, esta foi a terceira vez que a Maglia Rosa mudou de mãos na última etapa depois que Francesco Moser destronou Laurent Fignon em 1984 e Ryder Hesjedal derrubou Joaquim Rodriguez em 2012.

Este é o segundo pódio mais apertado do Giro, apenas 40 segundos entre o vencedor e o terceiro lugar. Em 1974, o resultado final foi: 1. Eddy Merckx, 2. Gianbattista Baronchelli aos 12 segundos, 3. Felice Gimondi separados por 33 segundos

O italiano Vincenzo Nibali em sete anos venceu duas vezes (2013, 2016), um segundo lugar (2011) e dois terceiros lugares (2010, 2017). É o seu nono pódio em um Grand Tour e o quinto no Giro.

- Não sou o primeiro piloto de TT que pode fazer bem nas montanhas. Miguel Indurain está a cinco passos à minha frente. Há caras como Bradley Wiggins, mas eu não quero me comparar com ninguém. É apenas um dia incrível. Estou realmente feliz. Eu nunca fui um mau alpinista. Nunca treinei nas colinas quando eu era jovem. Não há subidas longas em torno de Maastricht. Mas agora faço mais campos de treinamento nas montanhas, em Tenerife e Sierra Nevada. Sofro mais agora. Eu não perdi muito peso, sou talvez dois quilos mais leve do que eu era há três anos -, disse Dumoulain após o título inédito.

Classificação da etapa

1 - Jos van Emden (Hol / Lotto NL Ju) - 33m08s

2 - Tom Dumoulin (Hol / Sunweb) +15s

3 - Manuel Quinziato (Ita / BMC) +27s

Classificação geral

1 - Tom Dumoulin (Team Sunweb)

2 - Nairo Quintana (equipe de Movistar) + 31s

3 - Vincenzo Nibali (Bahrain - Merida) + 40s

#GirodeItália #UCIWorldTour

Siga o Planeta da Bike
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
Nosso canal no Youtube
cannondale.png
shimano.png
sa bs.png
MFT.png
CIMTB.png
logoLPH.png
SFEST.png
Fran Logo Branco.png