Conheça a versão cinematográfica do livro A Vista Rio, sobre histórias e personagens da Vista Chinesa

19 Feb 2018

A Vista Chinesa é um dos pontos de parada na Floresta da Tijuca, no Rio de Janeiro e desde o século 19 tem sido utilizado pelos visitantes. Com o crescimento do ciclismo nos últimos anos, o local se tornou ponto de peregrinação. O local representa superação, dedicação, esforço e recompensa, agora estes fatores estão reunidos no livro A Vista do Rio – Histórias e personagens da Vista Chinesa, uma bela e inédita homenagem à região e seus devotos, escrito por Gustavo da Rocha Lima e Luiza Mussnich, com coautoria do fotógrafo Alex Ward e editada pela ID Cultural. 

 

A paixão pelas palavras e pelo ciclismo é o fio condutor da obra, que uniu autores com perfis bastante diferentes. Gustavo, aos 60 anos, ex-executivo, idealizador do projeto, e Luiza, aos 26, jornalista, se conheceram na Pós-graduação em Formação do Escritor na PUC-Rio. Em pouco tempo, perceberam que a Vista rendia muito mais do que boas pedaladas. - O livro resgata a história da cidade, suas transformações e origens e a ressignificação de um espaço antes usado por aristocratas e que hoje é um dos principais pontos turísticos e rota predileta dos ciclistas cariocas -, conta Luiza.

 

Com pesquisa de Patricia Pamplona, a primeira parte do livro apresenta dados históricos e curiosidades sobre a Vista Chinesa, além de fotos inéditas produzidas desde 1890. A ligação da região com a imigração chinesa, o espaço como área de lazer do imperador e da elite, mais tarde, a inauguração do mirante, e ainda a escolha da Vista como cenário de filmes nacionais e estrangeiros, incrementam a obra.

 

 

Para produzir a segunda parte do livro, os autores se uniram ao fotógrafo Alex Ward –que tem mais de cinco mil cliques da região e circula diariamente pela Vista –, com a missão de selecionar pessoas que, por uma infinidade de razões, são a “cara” do lugar. Os três buscaram perfis distintos, com ocupações diferentes e histórias de vida particulares, conheceram suas casas, trabalhos e hábitos.

 

Como resultado, o leitor pode se deliciar com 17 crônicas emocionantes, de anônimos e famosos, exemplos de superação e atletas desconhecidos do grande público, que fazem da Vista seu segundo lar.  Entre os entrevistados, Rodrigo Hilbert, Dado Villa-Lobos, Jayme Buarque de Hollanda, Dani Genovesi, padre José Maria e Renata Ceribelli. - Todos que estão no livro têm verdadeiro amor pela Vista Chinesa. Alguns têm ali o seu trabalho, outros usam a área como terapia, exercício e até como sustento -, explica Gustavo.

 

No final da publicação os leitores ainda encontrarão o QR Code Vamos Subir a Vista, que traz um vídeo com imagens produzidas por drones e GoPro. - Esse livro é um presente para os cariocas, a prova de que ainda temos crença nesse tesouro incrível que é o Rio de Janeiro -, resumem os autores.

Compartilhar
Twittar
Please reload

Siga o Planeta da Bike
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
Nosso canal no Youtube