As atrações de disputar uma etapa do 70.3 em Sampa


Além do fato histórico de estrear em Sampa, a etapa do Ironman 70.3 ainda proporcionará as estrangeiros e atletas de outros estados a chance de competir em uma das maiores cidades do planeta, com um percurso rápido e desafiador e que passa por alguns lugares icônicos.

A prova começará com os 1,9 km de natação, que será feito no formato retangular na Raia Olímpica. O percurso de 90km do ciclismo começará saindo da USP, passando pela Av. Lineu de Paula Machado em direção ao Túnel Sebastião Camargo. Ao chegar na Av. Juscelino Kubitschek e passar pela Rua Prof. Geraldo Ataliba, os atletas acessarão a Marginal Pinheiros pelo Viaduto Marcelo Portugal Gouvea.

Na pista expressa da marginal, os atletas farão duas voltas até retornarem à USP, pelo mesmo trajeto. O percurso no trecho da marginal será exclusivo para os atletas, sem compartilhamento com carros, garantindo toda segurança. Para completarem duas voltas, os atletas farão os retornos nas pontes Cidade Universitária, Transamérica e Morumbi com passagem pela Ponte Estaiada.

Para finalizar a prova, o percurso de 21km da corrida será realizado em três voltas de 7km dentro da USP. Já tradicional entre os triatletas paulistanos, o trecho não apresenta grandes dificuldades, com chegada na pista de atletismo do CEPEUSP, onde serão conhecidos os vencedores.

Uma das mais desafiadoras provas em uma das principais cidades do mundo. Esse será o 70.3 São Paulo, marcado para o dia 10 de novembro, na Cidade Universitária de São Paulo. O evento reunirá 1600 atletas de 14 países para 1,9 km de natação, 90 km de ciclismo e 21.1 km de corrida. A largada será às 5h, na Raia Olímpica, e valerá 40 vagas para o Mundial de 70.3, em 2020, na Nova Zelândia.

#Ironman703 #Triatlo

Siga o Planeta da Bike
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
Nosso canal no Youtube
cannondale.png
shimano.png
sa bs.png
MFT.png
CIMTB.png
logoLPH.png
SFEST.png
Fran Logo Branco.png