5ª edição do Fodaxman Extreme Triathlon está confirmada para dezembro deste ano


Triatleta encarando a Serra do Rio do Rastro / @christiangalafassi

Após o adiamento devido ao agravamento de casos de Covid-19 no final do ano passado, o Fodaxman Extreme Triathlon está confirmado para 2021. A prova de triatlo extremo que contempla a passagem pela Serra do Rio do Rastro está marcada para o dia 11 de dezembro. O desafio aos triatletas tem 4 km de natação, 180 km de ciclismo e 42 km de corrida e elevado grau de dificuldade.


Com uma grande procura, a organização do Fodaxman decidiu abrir oito vagas adicionais para atletas que desejam participar da prova. Os interessados podem fazer a inscrição no site www.fodaxman.com.br.


Já são 125 atletas confirmados para a edição deste ano que tem muitos desafios. Além da distância, pela frente, os competidores têm que encarar a variação térmica (de 5º a 35º), e muita inclinação. Entre elas estão os 3.650 metros de altimetria acumulada no ciclismo, boa parte na Serra do Rio do Rastro, e mais 1.250 metros na corrida, principalmente no Morro da Igreja, em Urubici, local da linha de chegada.


“O Fodaxman é uma prova que exige o máximo dos competidores por ter características únicas. Estamos ansiosos para entregar um belo evento aos atletas, ainda mais depois de um período tão conturbado que vivemos nos últimos meses”, ressalta Fabrício Abido, um dos idealizadores do evento.


Pautado em realizar uma prova de atleta para atleta ao longo dos 5 anos de existência, o Fodaxman Extreme Triathlon seguirá todos os protocolos de segurança para que os competidores possam desfrutar do percurso de forma segura. Ainda, nesta edição o atleta que praticar o fair play será homenageado com o Prêmio Felipe Manente. A premiação visa perpetuar o legado do triatleta e de um dos fundadores do evento, que faleceu em setembro de 2020.


O Fodaxman Extreme Triathlon tem 4 km de natação, na Barragem do Rio São Bento, 180 km de ciclismo, que inclui a subida da Serra do Rio do Rastro, em Lauro Müller, e 42 km de corrida, entre eles a parte final no Morro da Igreja, em Urubici. São 4,7 mil metros de altimetria acumulada e com a chegada a 1.818 metros acima do nível do mar.


O Fodaxman Extreme Triathlon faz parte do calendário da Xtri World Tour, que reúne provas de triatlo extremo em todo o mundo. Desta forma, o evento brasileiro é uma das etapas classificatórias para o mundial de extreme triathlon no Norseman, na Noruega, programado para agosto de 2022.


Todos os campeões do Fodaxman Extreme Triathlon

2017 (1ª edição - janeiro) - Luiz Inácio Silva – 12h46

2017 (2ª edição - dezembro) - Felipe Dayrell – 12h58 e Lívia Bustamante – 14h23

2018 (3ª edição - dezembro) - Jonathan da Silva - 12h09 e Luiza Tobar - 12h58 (recorde de prova)

2019 (4º edição - dezembro) - Thiago Menuci - 11h12 (recorde de prova) e Lívia Bustamante - 14h23

Siga o Planeta da Bike
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
Nosso canal no Youtube