CIMTB Araxá por Raiza Goulão


Raiza voando em Araxá / Acervo pessoal

" De volta às pistas depois de quatro meses, em uma sequência até meio brutal de cirurgia, treino, pós-cirúrgico, treino, terapia. Fiquei muito feliz de poder reencontrar minha equipe, e estar competindo na prova mais clássica de todo o Brasil, a Copa Internacional de MTB em Araxá.


Estava bem ciente da realidade da minha performance e do meu corpo. Foram quatro meses em constância nos treinos. Estou fazendo um trabalho que tem um processo a longo prazo.

Sabemos que a recuperação nunca será de uma semana para outra.

Fiquei muito feliz com o clima de prova. Senti aquelas dores que fazia muito tempo que não sentia. Dores novas que eu tenho que me adaptar. Ser atleta é isso. Ser resiliente e suportar. Dores que só eu sinto e posso sentir por mais tempo.

Acredito muito no processo e estou muito feliz, respeitando cada dia, cada etapa, cada estágio. Tudo em prol do equilíbrio.



Agradeço muito minha equipe Squadra Oggi, que a nós atletas proporcionou uma estrutura incrível em Araxá. Agradeço muito ao Edu Ramires que é nosso chefe de equipe e faz tudo acontecer, de forma leve e profissional. Compartilhando sua experiência com a gente legal e importante.


Sigo fazendo os meus treinos focada, pensando na próxima meta que tenho: Campeonato Brasileiro em Mairiporã, cidade da minha segunda família, ou seja, tem um gostinho muito bom competir ali. Nos vemos lá. Sigo pensando também na temporada 2022.


Agradeço a todos que me apoiaram, mandaram energia positiva nas redes sociais. É incrível ter esse pessoal ao meu redor, porque me contagia demais! " relato da Raiza Goulão, atleta da Squadra Oggi e tetracampeã Brasileira de MTB XCO.

Siga o Planeta da Bike
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
Nosso canal no Youtube