top of page

CIMTB encerra temporada de 2023 em Congonhas (MG), com balanço positivo e projetando próximo ano


Rubinho foi campeão da E-MTB Pro / Alemão Silva

A cidade de Congonhas, em Minas Gerais foi responsável por fechar com chave de ouro, no último fim de semana, entre os dias 22 e 24 de setembro, mais uma temporada da Copa Internacional de Mountain Bike. Ao todo, 48 ciclistas saíram do Parque Ecológico da Cachoeira com o título de campeões da temporada 2023, em três diferentes modalidades: Cross Country Olímpico (XCO), Short Track (XCC) e Maratona (XCM). Uma temporada exitosa, que teve início em Araxá (MG), no mês de abril, passando na sequência por Nova Lima (MG), em junho, e Taubaté (SP) em agosto.


“A temporada de 2023 foi super positiva, não só pelas quatro etapas realizadas, com os 20 anos de Araxá como grande destaque, mas também por tudo que estamos fazendo do lado de fora das pistas. Por todo o trabalho para tentar trazer a Copa do Mundo em 2024 de volta para o Brasil. É tudo um contexto. Este ano, ao contrário de outros anos, o balanço não é só do evento CIMTB, mas sim em cima de tudo que estamos fazendo nos bastidores”, comentou Rogério Bernardes, organizador da Copa Internacional.


“Tivemos também novidades interessantes que lançamos, como a categoria Sub-12, e também a Clínica Técnica sendo consolidada como atividade exclusiva da quinta-feira que antecede o evento, algo que contribuiu para o evento evoluir muito. Finalizamos o 19º ano em Congonhas e já estamos planejando a 20ª edição em 2024, que terá uma super festa para comemorar as duas décadas no município. Além disso, teremos um projeto novo em novembro deste ano, nos dias 4 e 5, em Poços de Caldas (MG), no Parque do Cristo, que tem gerado ótimas expectativas também”, complementou Bernardes.


O sucesso da Sub-12 se evidencia pela forma como os pequenos atletas encararam a competição. Foi após assistir a etapa de Araxá pela transmissão no YouTube da CIMTB, em abril deste ano, que a pequena Lívia Betancor Pellizzari soube que a CIMTB havia inovado com uma categoria oficial para os mais novos. E ela não pensou duas vezes em tentar convencer seus pais, Fabiano e Lígia, para levá-la às três etapas seguintes.


"A pista era muito legal. Curta e rápida e não técnica, ou seja, muito divertida. Acho que a pista de Taubaté foi a mais difícil das três que competi, pela quantidade de rock gardens. Eu pedi muito para meus pais no começo do ano para me levarem pelo menos em uma etapa da CIMTB, porque lá no Rio Grande do Sul não tem categorias para minha idade", disse Lívia, de 9 anos.


Público sempre acompanhando as etapas / Alemão Silva

A etapa de Congonhas foi especial para a família Betancor Pellizzari. Eles puderam tirar férias para viajar de Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, até a cidade Congonhas, trazendo também o filho mais novo, Heitor, que competiu na categoria Mirim. Após uma longa viagem, hospedaram-se no próprio Parque, que conta com um excelente espaço para camping, com toda infraestrutura necessária.


"Foram momentos inesquecíveis para nós quatro. Anteriormente, eu que levava a Lívia, mas desta vez decidimos tirar férias para virmos todos. Foram momentos incríveis. Vamos ficar com muitas saudades. Fizemos muitas amizades e agora temos que manter contato pelas redes sociais", explicou a matriarca da família, Lígia. "Foi na transmissão do ao vivo de Araxá que descobrimos a Sub-12. A Lívia treinou bastante e correu nas três etapas seguintes. Com toda certeza vamos nos organizar para que em 2024 ela venha em todas as corridas", comentou Fabiano, pai de Lívia e Heitor.


Natural de Congonhas, Julia Sousa, de apenas 16 anos, conheceu a CIMTB na temporada de 2022, quando foi acompanhar o evento com sua turma de escoteiros. Após se encantar pela prova, entrou em contato com a organização e pediu uma camiseta do evento de presente. O organizador, Rogério Bernardes, deu o presente, porém com uma condição: que a jovem tentasse competir no evento no ano seguinte. E o desafio foi aceito.


"Fui estafe em 2022 e nunca havia pedalado na vida. Me animei muito e decidi aceitar o desafio de estar aqui competindo. O Rogério me incentivou muito e não deixou que eu desistisse. Vim, fiz as duas voltas do percurso na minha categoria, que tinha bastante subidas e partes técnicas. Não poderia perder a oportunidade de competir em casa, já garantindo o pódio na minha estreia em CIMTB. Foi muito emocionante", comemorou Julia.


Campeões da temporada 2023

Nas duas principais categorias, as Super Elites, foram destaques Isabella Lacerda (campeã geral e do Short Track), Ulan Galinski (campeão geral) e Cainã Oliveira (campeão Short Track). Nas categorias de base do XCO, sagraram-se campeões: Pedro Henrique Ferri e Letícia Rodrigues (Sub-12); Gabriel Freitas Galvão e Hani Rodrigues (Sub-15); Leonardo Bernardes e Anna Vitória Vieira (Sub-17); Henrique Bravo e Maria Luiza Duwe (Júnior); e Cainã Oliveira e Sabrina da Silva (Sub-23).


Nas demais categorias do XCO, os campeões de 2023 foram: Rubens Valeriano e Stefanye Lindolfo (E-MTB Pro); Juarez Campolina (E-MTB Máster); Gustavo Vilela (Sub-30); José André de Souza (Sub-35); Luiz Eduardo Ferreira e Maria do Carmo Castro (Sub-40); João Paulo Firmino (Sub-45); Edivando de Souza Cruz e Soraya de Moraes (Sub-50); Ana Claudia Figueira de Mello (Over-50); João Marcos de Lima (Sub-55); Celso Figueira de Mello (Sub-60); Rogerio de Castro (Sub-65); e Marcio Bordello Filho (Sub-60).


Nas outras cinco categorias do Short Track, os vencedores foram Vinicius Howe (Júnior); Florencia Monsalvez (Geral Feminina); Juarez Campolina (E-Bike); Diego Ortiz (Máster); Gustavo Vilela (Cadete); e Gustavo Nogueira (Teen). E, na Maratona, os vencedores de 2023 foram: Antonio Augusto Boaventura (Expert); Geraldo Ferreira (Cadete); Marden Teixeira (Máster); José Carlos Mendes (Veterano); Wagner Caldeira (Segurança Pública); Adenilson dos Santos (Peso Pesado); Eliane Danziger (Open Feminina); Fabiano Batista e Stefanye Lindolfo (E-MTB); Cicero Lima (Pcd); Pedro Henrique Gomes (Hand-Bike); João Victor Bernardelli (Ultra); Jorge Tiago e Rosiane Cândido (Dupla Mista/Feminina); Matheus Almeida e Mauro Coutinho (Dupla Masculina); e Alexandro Danziger e Ivair Danziger (Dupla Masculina Pro).


Resultados completos

Para conferir resultados e classificação completa de todas as etapas da Copa Internacional em Congonhas, acesse o site - www.cimtb.com.br - e clique na aba Resultados >Resultados 2023 (https://cimtb.com.br/a-copa/resultados/resultados-2023/).

Commentaires


Siga o Planeta da Bike

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube

Nosso canal no Youtube

bottom of page