top of page

Desafio Tour do Rio retorna em grande estilo em Miguel Pereira (RJ)


Pelote da Elite na cabeça do Desafio / Ivo Gonzáles

O ciclismo brasileiro celebrou neste domingo, 3, o retorno do Desafio do Tour do Rio, etapa classificatória para o Tour do Rio, principal competição latino-americana da modalidade esportiva, chancelada pela União Ciclística International. Realizado em Miguel Pereira (RJ), a disputa reuniu mais de 300 atletas em provas de Ciclismo de Estrada em 25 categorias, organizadas em percursos de 25km (curto), 85km (médio) e 115km (longo).

Para Maria Luisa Juca, Diretora Geral da prova e sócia do Tour do Rio ao lado da 213 Sports, o alto nível da competição reforça a importância da prova no calendário nacional. “Tivemos a adesão de atletas da elite do ciclismo latino-americano para o Desafio do Tour do Rio, que foi marcado por disputas acirradas e alto nível técnico. Estamos muito felizes com o resultado e ansiosos pelo retorno do Tour do Rio em 2023”, afirmou.

André Portugal, prefeito de Miguel Pereira, reforça o legado do evento para a estrutura turística e esportiva da cidade: “Miguel Pereira está passando por um momento incrível, investindo pesado para se tornar um dos principais polos turísticos do estado. A realização do Desafio do Tour do Rio 2022 consolida esse trabalho de transformação da cidade e leva nosso nome ao mundo inteiro. Somos muito gratos à organização e estamos comprometidos em sediar a competição nos próximos anos”.

O Desafio do Tour do Rio 2022 contou com a participação de altetas e equipes da elite do ciclismo nacional e latino-americano, a maioria deles veteranos no Tour do Rio. Foi o caso de Vicente Rojas, atleta da seleção chilena e da equipe Swift Carbon Pro Cycling, Felipe Marques, vencedor da categoria Elite, Pedro Paulo Barbosa, vencedor da categoria Master Masculino A2, Rafael Andriato (equipe Swift Carbon) e Alexandre Cardoso, um dos maiores atletas da modalidade de todos os tempos e atual número 1 no ranking da CBC na categoria Master B.

Ciclistas e suporte nas estradas fechadas / Ivo Gonzáles

Na categoria Elite Masculino, o mineiro Felipe Cristiano da Paixão Marques, da equipe ERT Pro Cycling, sagrou-se campeão com um tempo de 3:01:19. Completaram o pódio o paulista Alan Valencio Maniezzo, pelo Taubaté Cycling Team e Edson Antonio Ponciato, também da ERT Pro Cicling.

“Foi uma prova elitrizante! Uma verdadeira prova de estrada, seletiva, com muita serra, com muita descida, exigindo muita técnica. Realmente, tudo o que uma prova de ciclismo de estrada deve ter. Fico muito feliz de sair com a vitória no retorno do Desafio do Tour do Rio”, afirmou Felipe Marques, vencedor da Elite Masculina.

Largada da prova / Ivo Gonzáles

Já a presença feminina teve público recorde, e contou com grandes nomes do ciclismo nacional, como Ana luiza Cavalcante Real, que venceu na categoria Master Feminino A, Paula Almeida Leal Costa de Campos, vencedora da categoria Master Feminino B, Carolina Weber (2ª colocada no Master Feminino B), Ilana Duncan (3ª colocada no Master Feminino B), Maria Emilia Bugarin (2ª colocada na categoria OPEN B), Aline Oliveira de Carvalho (3ª colocada na categoria OPEN B) e Elisabeth Peixoto Santucci (3ª colocada no Master Feminino C).

Paula Campos no alto do pódio / Ivo Gonzáles

“A realização da prova foi perfeita, com estradas excelentes e um visual incrível. Estou muito feliz com o resultado e espero que venham muitos Desafios doTour do Rio pela frente”, afirmou Paula Campos.

Além de dividirem a premiação de R$ 5.000, os atletas que compõem o pódio da categoria Elite asseguraram suas participações no Tour do Rio, prova que será realizada em 2023 e será válida como etapa classificatória para as Olimpíadas de 2024, em Paris.

Siga o Planeta da Bike
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
Nosso canal no Youtube
bottom of page