top of page

Pedal das Capivaras leva 160 ciclistas para conferir o processo de despoluição do Rio Pinheiros


Eduardo Rocha, da EMAE, fez palestra sobre despoluição do Rio Pinheiros (Shimano / Divulgação)

Uma onda formada por 160 bikes invadiu a Ciclovia do Rio Pinheiros no sábado (28). O passeio ciclístico Pedal das Capivaras – Pela despoluição de Rios e Mares, evento promovido pela Shimano, manteve a tradição de 12 anos, levou esporte, saúde, diversão e conscientização ambiental para os paulistanos, tanto os que pedalaram como os que assistiram – de longe ou de perto – e mostrou o colorido cenário das bicicletas em movimento por 10km na cidade de São Paulo.


"Globalmente, a Shimano tem buscado cada vez mais aproximar as pessoas da natureza. A bicicleta é sustentável, mas apenas incentivar o uso da bike no nosso dia a dia, não basta. Por isso, realizamos há 12 anos o Pedal das Capivaras, pela despoluição de rios e mares, e agora fizemos também uma operação de limpeza da Praia da Enseada, no Guarujá, com as crianças do Projeto Ondas e apoio da Secretaria de Meio Ambiente do município do litoral. Queremos passar aos pequenos também o conceito da pesca artesanal sustentável e transformá-los em mais multiplicadores", explica Susana Martin, gerente de marketing da Shimano Latin America.


Grupo passou pela Marginal Pinheiros (Gustavo Maciel / Shopping Market Place)

A edição da pedalada de 2023 partiu do bicicletário do Shopping Market Place, passando pela ciclovia da avenida Berrini até entrar pela rampa do Parque do Povo para chegar a ciclovia do Rio Pinheiros. Além do pedal, os ciclistas tiveram a oportunidade de acompanhar uma mini-palestra do Eduardo Rocha, coordenador de meio ambiente da Empresa Metropolitana de Águas e Energia S.A (EMAE) sobre a evolução do processo de despoluição do Rio Pinheiros.


Criado pela Shimano em 2011 com o objetivo de chamar atenção da comunidade do ciclismo e das autoridades para a necessidade de ações para a despoluição do Rio Pinheiros, o Pedal das Capivaras 2023 passeou por um cenário diferente, mais animador. Os bikers puderam constatar as melhorias em relação a qualidade da água e da própria ciclovia.


“A gente percebe que o rio está melhorando, principalmente pela fauna. Já mudou bastante desde o primeiro ano que participei do Pedal das Capivaras. É importante trazer essa discussão sobre despoluição para que as pessoas entendam a importância do rio para a cidade. Ele não é só um cenário que está ali, sujo, largado e que deve ser ignorado enquanto passamos por uma ponte. Ele é parte da nossa casa, como se fosse o quintal, e a gente tem que manter limpo e bem cuidado. Importante ter eventos como este, que popularizam esse debate”, afirmou Willian Cruz, cicloativista do site Vá de Bike.


Pedal começou no Shopping Market Place (Gustavo Maciel / Shopping Market Place)

“Ótimo evento, bem organizado, divertido, com pegada ambiental de introdução para quem não sabia sobre a despoluição do Rio Pinheiros e como a bike tem ajudado nesse processo. Tenho pedalado na ciclovia desde antes da estrutura melhorar. Tenho fotos segurando o nariz para mostrar o problema do mau cheiro. E acompanhei a mudança, especialmente de dois anos para cá. Hoje, vemos o rio mais limpo, com flores no entorno, paisagem mais confortável para pedalar . E não tem mais cheiro forte. Está cada vez mais atrativo para pedalar de forma segura”, complementou a jornalista Carolina Ercolin.


No retorno até o ponto de partida, no Shopping Market Place, a Shimano ofereceu coffee break e encerrou o evento com distribuição/sorteio de brindes para os participantes, que se inscreveram de forma gratuita no site do Clube SANTUU. A consultora ambiental Marianna Mennato participou do pedal e, no dia anterior, coordenououtra ativação da Shimano em prol da natureza. Nesta sexta-feira (27), o Beach Cleanup na Praia da Enseada, reuniu crianças de 7 a 14 anos para coletar resíduos deixados na areia. O evento teve parceria da ONG Projeto Ondas, do ex-surfista profissional Jojó de Olivença, apoio da prefeitura do Guarujá. A ONG recebeu uma bike da Shimano.


“As ações que a Shimano têm promovido são muito importantes. Ainda temos baixa acessibilidade em relação à educação ambiental e, desta forma, fizemos esse evento no Guarujá em auxílio a ONG Projeto Ondas, no qual ensinamos às crianças a importância da redução da geração e resíduos. E não só isso. Também a importância da separação e descarte correto. As crianças adoraram e foram guerreiras, pois recolhemos cerca de 40 quilos de lixo. Além disso, não geramos resíduos, pois ensinamos sobre compostagem, que é a reciclagem de material orgânico”, comentou Marianna.

Comentarios


Siga o Planeta da Bike

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube

Nosso canal no Youtube

bottom of page