top of page

Sense Factory Racing conquista três títulos na CIMTB 2021


Knob surpreendente - Foto Cesar Delong / Sense Factory Racing Divulgação

A Sense Factory Racing está terminando 2021 com três ótimos motivos para comemorar. Isso porque, na temporada, o time oficial da Sense Bike conquistou excelentes resultados em diversas provas, com um destaque especial ficando para a conquista de três camisas amarelas da Copa Internacional Michelin de MTB, uma das competições mais importantes da América Latina.

A última etapa da CIMTB aconteceu no fim de semana passado, entre os dias 3 a 5 de dezembro, na cidade de Taubaté, em São Paulo. A competição teve ainda sua primeira etapa em Congonhas, Minas Gerais, no início de setembro, com a segunda etapa sendo realizada em Araxá, no início de outubro.


Giugiu domina na junior / Cesar Delong - Sense Factory Racing Divulgação

Em mais uma temporada simplesmente brilhante, Giugiu Morgen dominou as três etapas da Copa Internacional de MTB 2021, saindo com a vitória isolada na classificação geral. Ao longo do ano, a atleta apresentou um excelente rendimento, obtendo resultados expressivos dentro e fora do Brasil, inclusive com ótimas apresentações na Europa, em provas de Copa do Mundo da UCI.

“Última do ano! P1 na Júnior, performance crescente na pista. Muitas retomadas, saltos e muito calor. Tive algumas pedras no caminho esse ano que serviram de muito aprendizado e agradeço por ter pessoas que acreditaram em mim e ficaram ao meu lado nos altos e baixos! Fica aqui meu muito obrigada à todos”, comentou Giugiu, depois da competição.

Dentre outros resultados, além de mais uma camisa amarela de campeã na Copa Internacional de MTB, Giugiu ainda foi bronze nos Jogos Pan-Americanos Juniores 2021, Tetracampeã Brasileira de MTB XCO, Campeã Brasileira de Ciclismo de Estrada e Vice-Campeã no Contrarrelógio.

Na próxima temporada, Giugiu sobe para a Sub-23, categoria onde ela deve enfrentar as atletas mais fortes do Brasil nas disputas da Super Elite. Com certeza, será mais um importante passo na carreira da atleta que já é um dos principais destaques do Brasil.

Rubinho no E-XCO / Foto Cesar Delong - Sense Factory Racing Divulgação

Estreando nas competições de E-XCO em 2021, o experiente piloto Rubinho Valeriano fez valer sua habilidade e forma física ao levar a camisa de Campeão das E-Bikes da Copa Internacional de MTB, com duas vitórias de etapa em Congonhas e Araxá, e um terceiro lugar em Taubaté.

“Primeiramente quero agradecer a equipe pelo empenho e pela força, que hoje foi essencial. Tive alguns contratempos com a camiseta e cheguei na largada em cima da hora. Consegui largar bem e a estratégia era manter entre os primeiros”, comentou.

“Na primeira volta tive um problema, mas consegui me recuperar e vim em busca dos primeiros colocados. Depois tive um outro problema, mas consegui chegar no apoio e arrumar tudo. Depois tive outro problema, e aí resolvi que aquele não era o dia ”, complementou.

“Cada prova é uma prova. Congonhas foi uma maratona e foi muito divertido, Araxá foi muito disputado e aqui tivemos esse contraste, com a importância do apoio da equipe. Graças a Deus cheguei em terceiro lugar e conquistei um título inédito para a equipe e para mim também”, finalizou.

Além dele, a Sense Factory Racing ainda saiu com a vitória na classificação geral entre as mulheres com Glaidiany de Cássia, coordenadora da equipe e atleta nas horas vagas. Com grande experiência nas pistas, Glaidiany começou a pedalar de e-bike apenas em 2021, e aproveitou a nova bike para voltar a treinar e competir de maneira sistemática.

Glaidiany de Cássia no E-XCO - Foto Cesar Delong / Sense Factory Racing Divulgação

“Comecei a pedalar de elétrica este ano e resolvi participar em Congonhas, e foi muito divertido. Também voltei a treinar, mas de uma maneira bem diferente, sem muita cobrança e muito mais para a diversão. Aí, aliei este treino com a elétrica e voltei para as pistas”, explicou Glaidiany.

“Apesar de não ter muita técnica, gosto muito do estilo de prova do XCO. Assim, uni a bike elétrica com o XCO e foi diversão garantida. Como participei das três etapas, a consistência me deu o título”, complementou.

“No fim fiquei muito feliz em poder competir novamente, feliz por me divertir e feliz por levar a vitória. Afinal, este foi meu primeiro título na Copa Internacional”, finalizou.

Além das vitórias de Rubinho e Glaidiany, a Sense Factory Racing ainda contou com terceiro lugar na classificação geral do E-XCO de Diego Knob. Oriundo das modalidades de gravidade e em seu primeiro ano levando as provas de endurance mais a sério, Knob ficou em segundo lugar na etapa de Taubaté, em Terceiro em Congonhas e em segundo lugar em Araxá - um desempenho realmente surpreendente.

Siga o Planeta da Bike
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
Nosso canal no Youtube
bottom of page