top of page

Sense Factory Racing faz dobradinha na Super Elite da Taça Brasil em São Paulo


Giugiu Morgen vence na Super Elite pela primeira vez / Divulgação

A pista que já foi palco do Campeonato Brasileiro de XCO em 2018 também sediou a terceira etapa da Taça Brasil de XCO 2022, competição que contou pontuação para o Ranking da UCI e também para o Ranking Nacional.

No último domingo, dia 20 de Março, a Sense Factory Racing mais uma vez teve motivos de sobra para comemorar. Isso porque, depois de um dia de muita água, lama e suor, a equipe oficial de fábrica fechou mais um fim de semana com vitórias importantes na Super Elite e com ótimo rendimento para todos os seus atletas.

Na Super Elite Masculina, a equipe saiu vencedora com o piloto Luiz Henrique Cocuzzi. Além disso, Mário Couto ficou em terceiro, com Rubinho Valeriano fechando na quarta colocação. O time ainda comemorou a primeira vitória de Giugiu Morgen na Super Elite, em seu primeiro ano de Sub-23.

A temporada 2022 de Luiz Cocuzzi começou com o pé direito, com o atleta vencendo a primeira etapa da Taça Brasil de XCO no dia 20 de Fevereiro, em Curitiba.

Agora, correndo em casa, o piloto, que faz sua temporada de estreia na Sense Factory Racing obteve mais um ótimo resultado, justamente na pista que ele treina com frequência e ajudou a construir, na instituição que pertence à sua família: o Lar Nossa Senhora Aparecida.


“Taça Brasil em casa, e nós fizemos o dever de casa. A pista hoje estava muito desafiadora, com muita lama, e foi a primeira vez que usei os pneus Michelin Mud, que fizeram a diferença. Toda a equipe conseguiu rodar muito bem!”, explicou Luiz Cocuzzi.

“Estou muito feliz com o resultado, com o trem da Sense ficando todo no pódio”, complementou o atleta.

Nesta temporada, o objetivo de Cocuzzi é acumular pontos no ranking UCI, correndo provas de destaque dentro e fora do Brasil. Com os pontos, ele pode disputar a vaga em provas de short-track da Copa do Mundo de MTB XCO, e também largar melhor posicionado nas disputas da série.

Correndo sua primeira temporada na Sub-23, e portanto agora integrando a Super Elite, Giugiu Morgen sofreu um pouco para encontrar o ritmo nas primeiras provas do ano. Porém, mantendo a postura persistente de costume, a petropolitana, que corre pela Sense Factory Racing desde a juvenil parece estar reencontrando a boa forma, depois de muito treino e dedicação.

Usando as pernas e a experiência acumulada ao longo dos anos, Giugiu andou muito bem em sua nova categoria, sendo a mais rápida no duro e enlameado percurso.

“Graças a Deus consegui ganhar essa prova, já que fazia um tempo que eu não vinha me sentindo bem, e acho que agora encaixei um pouco o ritmo da temporada”, explicou Giugiu.

“Foi uma prova muito muito técnica, que exigiu cabeça acima de tudo. Saber correr, saber onde acelerar e onde não pode acelerar até o fim, não pode afogar. Em alguns lugares você tem que escolher a linha exatamente certa”, relatou a atleta.

“Mas, no fim consegui essa vitória, e espero manter esse ritmo para o restante da temporada”, finalizou Giugiu.

Mário Couto e Rubinho Valeriano fechando o trem da Sense

Reforçando a importância do apoio aos atletas e o equipamento utilizado, os pilotos Mário Couto e Rubinho Valeriano fecharam a terceira etapa da Taça Brasil em terceiro e quarto lugar, respectivamente.

“Estou muito feliz com a prova! A pista estava bem desafiadora e com certeza o equipamento hoje fez a diferença. Os pneus Mud da Michelin fizeram total diferença, e como vocês podem ver fizemos o Top-4, e por isso estou muito feliz com a prova”, enfatizou Mário Couto.

“Foi show demais, a pista estava desafiadora, e tivemos que tomar cuidado com o equipamento”, reforçou Rubinho Valeriano.

“Estou muito feliz com meu rendimento, terminando P4. Obrigado a todos das equipes S2 Sports MTB pela força e obrigado à todos pela torcida. Vamos seguir firme e forte, pois semana que vem tem mais”, complementou o experiente atleta.

Na próxima semana, no dia 27 de março, o time completo da Sense Factory Racing estará em Itabirito, Minas Gerais, para correr a primeira etapa da Internacional Estrada Real 2022 - a disputa do XCO conta pontuação HC, uma das mais importantes da UCI.

Comments


Siga o Planeta da Bike

  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube

Nosso canal no Youtube

bottom of page