UCI atualiza seu protocolo de saúde Covid-19 para eventos de ciclismo de estrada em 2022



A União Ciclística International (UCI) divulgou um novo protocolo de saúde relacionado a Covid-19 aplicável às competições de estrada masculinas e femininas inscritas no Calendário Internacional UCI 2022.


O protocolo de saúde está em vigor desde 24 de janeiro deste ano. O protocolo se aplica a eventos de estrada de todas as classes: UCI WorldTour, UCI Women's WorldTour, UCI ProSeries, Campeonatos Continentais, Campeonatos Mundiais UCI, Copas das Nações UCI, Classe 1 e Classe 2 eventos.


O protocolo de saúde para as corridas de estrada foi estabelecido por um grupo liderado pelo Diretor Médico da UCI, Professor Xavier Bigard e composto por representantes dos ciclistas, equipes, médicos das equipes e organizadores. Ele vem sendo atualizado regularmente de acordo com a situação desde que foi introduzido pela primeira vez em 2020 em resposta à pandemia de Covid-19.


Bem semelhante ao protocolo de saúde de 2021, que se mostrou extremamente eficaz, a versão de 2022 enfatiza as regulamentações nacionais, níveis de vacinação e medidas de prevenção individuais.


Para 2022, a UCI e seus parceiros no grupo diretor destacam o fato de que, quando as leis nacionais do país anfitrião de um evento são mais rígidas do que as regras da UCI, são as leis do país que têm precedência. No entanto, se as leis nacionais forem menos rígidas, as regras da UCI serão aplicadas. As equipes são incentivadas a garantir que o maior número possível de ciclistas no pelotão seja vacinado, e a terceira dose da vacina é fortemente recomendada.


Em 2022, os requisitos para entrar nas bolhas de equipe serão diferentes de acordo com o tipo de evento:


Corridas de um dia e corridas de etapas curtas (menos de sete etapas)

Totalmente vacinado ou um teste de PCR negativo datado de menos de dois dias antes – testes salivares de PCR são permitidos, mas testes de antígeno não são.


Vacina Pfizer-Biontech / Reprodução internet

Corridas por etapas de sete etapas ou mais

Um teste de PCR negativo datado de menos de dois dias antes, independentemente de a pessoa estar vacinada ou não e testes de PCR serão realizados durante os Grands Tours.


Esses requisitos também se aplicam a ciclistas, pessoal da UCI, Comissários, funcionários anti-doping, equipe médica, organizadores e mídia.


Os eventos de ciclismo de estrada do Calendário Internacional da UCI seguem as regras introduzidas nos últimos dois anos no interesse da saúde e segurança de todos continuam a ser aplicadas. Estes incluem a obrigatoriedade do uso de máscara, a manutenção do distanciamento social e a desinfeção frequente das mãos.


Os protocolos Covid para as outras disciplinas de ciclismo serão atualizados em breve e disponibilizados no site da UCI.


O presidente da UCI, David Lappartient, disse : “Gostaria de agradecer a todos os membros do grupo diretor por sua colaboração e trabalho árduo nos interesses da saúde de todos nos eventos do Calendário Internacional de Estrada da UCI. A pandemia de Covid-19 continua a causar sofrimento e perturbação, mas como temos demonstrado ao longo dos últimos dois anos, o ciclismo é capaz de manter as suas atividades graças à atuação responsável de todos os nossos parceiros. Espero sinceramente que esses tempos incertos fiquem para trás em breve, mas, enquanto isso, estou confiante de que, graças ao espírito de solidariedade dentro da família do ciclismo, nosso esporte continuará a prosperar”.


O protocolo de saúde completo de 2022 Covid-19 para eventos de Ciclismo de Estrada está disponível aqui .


A UCI publicou ainda um documento adicional que também pode ser consultado no site da UCI : Conhecimentos científicos recentes de apoio à adaptação das regras para a organização de competições de ciclismo de estrada no contexto da pandemia de COVID-19 .

Siga o Planeta da Bike
  • Grey Facebook Ícone
  • Grey Twitter Ícone
  • Grey Instagram Ícone
  • Cinza ícone do YouTube
Nosso canal no Youtube